sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

Tema em Debate: Copa em Campo Grande


Pantanal Vs. Amazônia Sul
Quinta-feira, 29 de Janeiro de 2009 14:42
Por Gabriel Rondon (*)
O que já era esperado foi confirmado nesta quinta-feira: Pantanal e Amazônia terão sub-sedes que as representarão na Copa do Mundo de 2014. E, particularmente, no caso do Pantanal há um grande embate. Junto com a Amazônia, estas duas regiões são dois grandes símbolos nacionais. Reservas ecológicas admiradas pelo mundo inteiro.

A Amazônia por sua enorme extensão, já possui quatro candidatas. Os estados do Amazonas, do Pará, do Mato Grosso e do Acre. Esta ficará tranqüila, pois terá ao menos uma sede. Merecidamente! Como dizem alguns: “É o pulmão do mundo!”.
A preocupação agora é no caso do Pantanal. A maior área alagada do mundo e rica em biodiversidade dispensa comentários por sua beleza. Mas necessita de esclarecimentos por sua localização.

É bem verdade que sempre houve confusão entre os nomes dos dois estados. Mas é necessário esclarecer que, embora vizinhos, temos identidades diferentes. Não fosse isso jamais haveria a luta para que fossemos divididos da parte Norte. Justamente a parte Amazônica do Mato Grosso. Por isso vinham projetos de mudança do nome do estado. Quando falamos de Campo Grande, seja no Rio Grande do Sul, São Paulo, Paraná ou Nordeste, nós somos motivos de piadas por estarmos identificados com o Pantanal. Quem nunca ouviu: “É verdade que tem Tuiuiús e Jacarés em Campo Grande?”. Sempre levamos na brincadeira, mas nunca quando se esquece a palavra “SUL” para complementar o nome do nosso estado.

Analise bem. Porque isto acontece? É questão de identificação. É a mesma coisa da imagem de Manaus na Amazônia. Embora esteja no coração daquela imensa floresta, estamos falando de uma cidade metropolitana de quase dois milhões de habitantes. Voltando pra Campo Grande, que está próxima de ser classificada como Metrópole Regional quando alcançar um milhão de habitantes – que ocorrerá dentro de uns 12 anos -, mostramos claramente que temos estrutura a rivalizar com qualquer cidade brasileira para receber esta Copa.

Lendo um jornal cuiabano me deparo com o desprezo em relação ao índice de violência mato-grossense: “Se o Rio de Janeiro é violento também, então não há problemas para Cuiabá ser. Isto não interessa a FIFA”. Pelo-amor-de-deus! Fico até com medo desta sede por lá.

Mas nós não. Temos uma cidade altamente segura, que inclusive comporta o Centro Militar do Oeste, responsável pela vigia de quase todo o Centro Oeste brasileiro. Inclusive de lá. Hospital vizinho ao estádio. Espaço para construção de quantas vagas de estacionamento quiser e espaço para ter as Fan Fest – onde há telões que possibilitam a população de acompanhar os jogos – em vários pontos da cidade, pois não temos uma cidade demasiadamente densa.

Enfim, as qualidades não deixam um quesito sequer a desejar. 70% do Pantanal estão no Mato Grosso do Sul. Além do que, as partes estrangeiras do Pantanal, que compreendem Bolívia e Paraguai apóiam a candidatura sul-mato-grossense. E não é um apoio por qualquer motivo. É pela identificação conjunta que temos. Culturalmente, podemos dizer que o Pantanal nos uniu.

Seria uma pena se a Amazônia Sul, representada pelo Mato Grosso for escolhida. Irá confirmar este problema da troca de nome dos estados. Não há identificação pantaneira por lá. E como podem usar nomes destes símbolos nacionais em suas campanhas sendo que os destroem? Nosso conceito é diferente. É de preservação.

Não sou eu ou o movimento que apóia a Copa que diz isto. Mas são nossas políticas públicas que sempre pautaram no respeito à área Pantaneira. E agora a Amazônia Sul, provavelmente por sentir que já escolheram Manaus para ser sede, se pauta no Pantanal. Pobre Pantanal. Este sim merece respeito.

Para provar que o conceito é diferente, vamos falar das cidades em si só. Quantos parques Campo Grande tem? Ou melhor: procure uma área verde maior do que existe em Campo Grande. Pode procurar no Brasil inteiro e não achará a imensidão de preservação que é o Parque das Nações Indígenas, o maior do país.
Aliás, não achará outro grandioso como o Parque dos Poderes. Progresso com respeito. Este é nosso conceito.

A pergunta a ser feita é: “Porque construir mais um campo de futebol em Mato Grosso sendo que eles destroem milhares todos os anos?”. Se lá existe o chamado Verdão, sejamos racionais e nos perguntemos: “Verdão até quando?”.

Aliás, o nome verdadeiro do Estádio “Verdão” é Governador José Fragelli. Um ilustre corumbaense. Corumbá que fica em Mato Grosso do Sul. Mais um motivo da torcida Pantaneira por Campo Grande. Pois no Mato Grosso da Amazônia, a única coisa pantaneira é o nome do estádio.

Estamos a pouco mais de 100 kilometros do Pantanal, assim como a Cuiabá da Amazônia. Porém temos um trunfo: Podemos ir de avião, carro ou trem. Corumbá possui um aeroporto internacional, uma rodovia bem cuidada e uma ferrovia que liga à Campo Grande. Três modalidades de transporte. Lá só se vai de carro, ou, só faltam argumentar que há charrete também.

Portanto mesmo que fossemos mais distantes, apresentamos as melhores soluções. Ah! Quer ir pra Bonito? Pode ir de avião e pousar no Aeroporto Internacional de Bonito. São realidades do nosso estado.

Continuaremos na luta para que Campo Grande seja a escolhida. Pois o Pantanal é aqui. Como diria um amigo: “Se o avião que vai ao Mato Grosso da Amazônia tem de pousar em Campo Grande, capital do Estado do Pantanal, porque não ter a copa aqui?”. O estado do Pantanal tem uma capital, e ela se chama: Campo Grande.

(*) Gabriel B Rondon (grondon@gmail.com)

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Caminhão de Lixo! (reflexão)


Recebi esta mensagem hoje e faço questão de compartilhar:

"Lei do Caminhão de Lixo.

Um dia peguei um táxi e fomos direto para o aeroporto.

Estávamos rodando na faixa certa quando de repente um carro preto saltou do estacionamento na nossa frente.

O motorista do táxi pisou no freio, deslizou e escapou do outro carro por um triz!

O motorista do outro carro sacudiu a cabeça e começou a gritar para nós.

O motorista do táxi apenas sorriu e acenou para o cara.

E eu quero dizer que ele o fez bastante amigavelmente.

Assim eu perguntei: 'Porque você fez isto? Este cara quase arruína o seu carro e nos manda para o hospital!'

Foi quando o motorista do táxi me ensinou o que eu agora chamo "A Lei do Caminhão de Lixo".

Ele explicou que muitas pessoas são como caminhões de lixo. Andam por aí carregadas de lixo, cheias de frustrações, cheias de raiva, e de desapontamento. À medida que suas pilhas de lixo crescem, elas precisam de um lugar para descarregar, e às vezes descarregam sobre a gente. Não tome isso pessoalmente.

Apenas sorria, acene, deseje-lhes bem, e vá em frente. Não pegue o lixo delas e espalhe sobre outras pessoas no trabalho, em casa, ou nas ruas.

O princípio disso é que pessoas bem sucedidas não deixam os caminhões de lixo estragar o seu dia. A vida é muito curta para levantar de manhã com sentimentos ruins, assim... Ame as pessoas que te tratam bem. Ore pelas que não o fazem.

A vida é dez por cento o que você faz dela e noventa por cento a maneira como você a recebe!"


Tenha uma semana abençoada livre de lixo!

quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

A dificil arte do encontro!


"Não devemos permitir que alguém saia de nossa presença sem sentir-se melhor e mais feliz". (Madre Tereza)


Como é dificil entender as pessoas e fazer ser entendido. Por ser psicólogo que atua na área de gestão de pessoas, vejo como é dificil encontrar o ponto do encontro.

Um probleminha e as pessoas constroem um problemão! Ou seja, fazem tempestade em um copo de água. A pirra, o medo, a fofoca... tudo isso misturado cria um caos.

A diferença é muito importante, não queremos que as pessoas aceitem o outro, mas que respeitem as escolhas das pessoas. Cada um do seu jeito, na consciência da importância do outro e que faz da nossa vida uma grande aventura.


Convivência

Durante uma era, muito remota, quando parte do globo terrestre esteve coberto por densas camadas de gelo, muitos animais não resistiram ao frio intenso e indefesos morreram, por não se adaptarem às condições do clima hostil.

Foi, então, que uma grande manada de porcos-espinhos, numa tentativa de se proteger e sobreviver, começou a unir-se, a juntar-se mais e mais. Assim, cada um podia sentir o calor do corpo do outro.

E, todos juntos, bem unidos, agasalhavam-se mutuamente, aqueciam-se, enfrentando por mais tempo aquele inverno tenebroso.

Porém, a vida ingrata, os espinhos de cada um começaram a ferir os companheiros mais próximos, justamente aqueles que lhes forneciam mais calor, aquele calor vital, questão de vida ou morte.

E afastaram-se, feridos, magoados, sofridos.

Dispensaram-se, por não suportarem mais tempo os espinhos dos seus semelhantes. Doíam muito!

Mas essa não foi à melhor solução: afastados, separados, logo começaram a morrer congelados!

Os que não morreram voltaram a aproximar-se, pouco a pouco, com jeito, com precauções, de tal forma que, unidos, cada qual conservava certa distância do outro, mínima, mas o suficiente para conviver sem ferir, para sobreviver sem magoar, sem causar danos recíprocos. Assim suportaram-se, resistindo à longa era glacial. Sobreviveram!

Se continuarmos mantendo a união, podando nossos espinhos, respeitando as individualidades e pensando na importância de uma convivência em grupo, por certo sobreviveremos a todas as eras glaciais.

Voltei confiante POR TODA A VIDA!


As férias acabaram, toda aquela animação e descanso serviram como estímulo para alimentar em mim o desejo da vitória. Voltei com a disposição de crescer cada vez mais, de mostrar o valor do guerreiro que trago na minha alma.

Esta viagem em familia serviu para aumentar laços e nos conhecer mais!

Cada um com seu jeito de ser, sua individualidade. Ficamos todos em uma única casa, parecia um Big Brother em familia, nos divertimos muito. Florianópolis e uma cidade encantadora, povo educado e gentil, porém o trânsito é confuso, principalmente nas vias que levam para as praias. Não existe orientações para o turista, nâo percebi policiais preocupados com o trânsito como em Campo Grande, ou seja, uma verdadeira confusão. Na saida da praia mole indo para a joaquina, que loucura, deveria ter um policial para arrumar aquela confusão. Não sei se retorno lá devido ao desrespeito ao turista.

Bom, mas nada e perfeito! Vamos caminhar...

Volto para o que ter e vier, pronto para acertar mais e errar menos... tentar ser feliz todos os dias e fazer da minha vida uma festa.

Sucesso!

quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

To indo para floripa!



Grandes guerreiros de jornada, nossa familia em peso esta indo viajar, coisa rara e inédita...pai, mãe,irmãos, cunhadas, cunhado e sobrinhos...todo mundo juntos na praia... ja pensou que festança!?

Mas a felicidade esta nestas coisas simples da vida... viver intensamente cada momento!

Vamos lá! Sucesso a todos!

terça-feira, 6 de janeiro de 2009

Desejo!

Andar com Fé!


Andar com fé
é saber que cada dia é um recomeço,
é ter certeza que os milagres acontecem
e que os sonhos podem se realizar.

Andar com fé
é saber que temos asas invisíveis,
é fazer pedidos a estrelas cadentes
e abrir as mãos para o céu.

Andar com fé
é olhar sem temor
as portas do desconhecido,
ter a inocência dos olhos da criança,
a lealdade do cão,
a beleza da mão estendida
para dar e receber.

Andar com fé
é usar a força e a coragem
que habitam dentro de nós
quando tudo parece acabado.

Andar com fé
é saber que temos tudo a nosso favor,
é compartilhar as bênçãos multiplicadas,
é saber que sempre seremos surpreendidos
com presentes do Universo,
é a certeza que o melhor sempre acontece
e que tudo aquilo que almejamos
está totalmente ao nosso alcance.

Basta só Andar com Fé !

Beija-Flor



Você se enganou
meu coração não é saco de pancadas
meu coração é beija-flor


Estou otimamente bem guerreiros, sucesso!

segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

Hoje me sinto só!


Sabe, tem dias na vida da gente que sentimos um pouco de tristeza, solidão... hoje está sendo um desses dias, mas tenho certeza que vou crescer um pouco mais... mostra que sou ser humano, e acima de tudo um guerreiro... e as vezes, um guerreiro pode estar ferido, morto jamais!

Sucesso :(

sábado, 3 de janeiro de 2009

Não deixem muchar seu balão!



Há pessoas tão aborrecidas que nos fazem perder um dia inteiro em cinco minutos. (Jules Rernard)


Guerreiros, não deixem se contaminar pelo veneno do outro, faça de 2009 um ano de conquistas!

Sucesso!

Feliz 2009!

"Para sonhar um ano novo que mereça este nome, você, meu caro, tem de merecê-lo, tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil, mas tente, experimente, consciente. É dentro de você que o Ano Novo cochila e espera desde sempre." (Carlos Drummond de Andrade)

"Nós abriremos o livro. Suas páginas estão em branco. Nós vamos pôr palavras nele. O livro chama-se Oportunidade e seu primeiro capítulo é o Dia de ano novo." (Edith Lovejoy Pierce)

"Nenhum ano será realmente novo se continuarmos a cometer os mesmos erros dos anos velhos." (Autor desconhecido)

"Festejar, comemorar, comer e beber bastante nas festas de final de ano não é o que engorda, o que realmente engorda não é o que comemos entre o Natal e o Ano Novo, e sim, aquilo que comemos entre o Ano Novo e o Natal." (Autor desconhecido)

"Alegrias para um ano novo e outra chance para nós acertarmos." (Oprah Winfrey)

"As pessoas estão tão preocupadas sobre o que eles comerão entre o Natal e o ano novo, mas eles realmente deveriam estar preocupados sobre o que eles comem entre o ano novo e o Natal." (Autor desconhecido)

"O Dia de ano novo é o aniversário de todo homem." (Charles Lamb)

"De repente, num instante fugaz, os fogos de artifício anunciam que o ano novo está presente e o ano velho ficou para trás." (Autor desconhecido)

"Se chovesse felicidade, eu lhe desejaria uma tempestade. Feliz Ano Novo!" (Autor desconhecido)

"O objetivo de um ano novo não é que nós deveríamos ter um ano novo. É que nós deveríamos ter uma alma nova." (Gilbert Keith Chesterton)

"Um otimista fica acordado até meia-noite para ver a entrada do ano novo. Um pessimista fica acordado para ter a certeza de que o ano velho se foi." (Bill Vaughn)

"Que as realizações alcançadas este ano, sejam apenas sementes plantadas, que serão colhidas com maior sucesso no ano vindouro." (Autor desconhecido)

"Muitas pessoas esperam o ano novo por um novo começo em hábitos velhos." (Autor desconhecido)

"A Verdade é o caminho, o Bem é a ação, o Belo é o sentimento. Esta é a prática para ser Feliz. Usem-na, feliz Ano Novo 2009!"

"A cada dia de nossa vida, aprendemos com nossos erros ou nossas vitórias, o importante é saber que todos os dias vivemos algo novo. Que o novo ano que se inicia, possamos viver intensamente cada momento com muita paz e esperança, pois a vida é uma dádiva e cada instante é uma benção de Deus."